39546  ACESSOS

NOTÍCIAS

 
 

ALUNA DE MG É 100% NO ENEM 2007

 

A estudante Luísa Lima Castro, 18 anos, foi a primeira colocada na edição 2007 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obteve 100% de aproveitamento na prova e 100% na redação, segundo informou o Ministério da Educação (MEC). A ex-aluna do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG) conseguiu a nota máxima, concorrendo com 2,7 milhões de alunos em todo o país. No dia 2 de dezembro, ela realizou o vestibular para o curso de Medicina da UFMG, mas ela já tem uma bolsa integral garantida na Faculdade de Ciências Médicas.

 

      Além da façanha no ENEM, Luísa chegou a resultados importantes em sua vida estudantil, como o 1º lugar na Mostra Específica de Trabalhos e Aplicações do Cefet-MG, com o trabalho Brasil Sustança, em 2005, e quatro prêmios na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia, Criatividade e Inovação (Febrace), em São Paulo, em 2006. (fonte: site Terra)
 
 
 
 

VOVÓ NOCA: 81 ANOS E APROVADA NO VESTIBULAR

 

    Raimunda Nonata da Silva, ou vovó Noca, tem 81 anos e passou na 26ª colocação entre 200 candidatos (apenas 38 das 50 vagas foram preenchidas, porque os demais vestibulandos não obtiveram a nota mínima nas provas de português, interpretação de texto e redação) para o curso de Serviço Social do Centro Universitário Luterano de Santarém, no Pará, no começo de dezembro. Ainda mais espantoso é que, até três anos atrás, Vovó Noca – sete filhos, 12 netos e cinco bisnetos – tinha apenas a 5ª série completa. Parou de estudar aos 15 anos e casou-se aos 21. Dividia a atenção entre o marido e as aulas de leitura para crianças carentes da comunidade de Alter-do-Chão, uma localidade próxima. Aos 35 anos, ficou viúva. Para sustentar os filhos, fez de tudo um pouco. Foi vendedora de flores, empregada doméstica, fez pães e bolos por encomenda e trabalhou em uma tecelagem. O esforço para bancar os estudos dos filhos deu certo. Cinco deles conseguiram terminar a faculdade. Já idosa, os “meninos” pediram que ela parasse de trabalhar. “O que eu iria fazer? Precisava voltar a estudar”, afirma, sorrindo.

    Em 2004, depois de 64 anos longe da escola, Vovó Noca resolveu voltar aos bancos escolares e obter, pelo menos, o diploma do ensino médio. Neste ano formou-se pelo programa Educação para Jovens e Adultos do Serviço Social da Indústria, o Sesi, e resolveu continuar estudando. “Não vejo por que tanto espanto das pessoas”, diz. “Sei que é diferente, mas, se terminei o ensino médio, ia fazer o quê? Tinha de seguir em frente rápido e fazer a faculdade.” (fonte: Revista Época)

 

 

 

Lya Luft impede peça de seu livro
MEC não controla criação de cursos
A 57ª Feira do Livro de Porto Alegre
NTM visita Candiota
Camaquã monta NTM
Guarany e o elenco p/ 2º semestre 2012
Betan, 92 anos, está no ensino médio
Guarany FC continua aprontando!
XV Semana da Poesia
Guarany estréia na Segundona 2011
Biblioteca reabre em SP
Guarany apresenta elenco para 2011
A primeira mulher presidente do Brasil
China lidera ranking de educação
Cafezinho de Natal e obras literárias
Gabriel, o pensador em S. Lourenço
Mario Vargas Llosa ganha NOBEL
Comer, rezar, amar vira filme
Sucesso no I Versejo da José A. Netto
EMEF José A. Netto faz Versejo
Salman Rushdie FLIP 2010
Pesquisa mostra que gaúchos leem mais
Morre José Saramago
Copa do Mundo começou com poucos gols
IFSUL abre inscrições
V Rock & Poesia acontece mesmo com chuva
V Rock & Poesia
Escola recebe exposição de Castro Alves
'Creche Mimosa' inaugura biblioteca
Lêdo Ivo é premiado na Espanha
Lojas Colombo vai vender livros
O sotaque mineiro
O novo livro de Nelson Motta
Os nomes preferidos pelos brasileiros
Série Crepúsculo 'reformula' o amor
ENEM: prova tem problemas conceituais
Colecionador doa 180 mil livros
As venda despencam na Feira de P. Alegre
Prêmio Fato Literário 2009
Luiz de Miranda se demite da Academia
Biblioteca expressa
Restaurante ganha biblioteca
Reforma revela Biblioteca do RS
Carlos Urbim
Cantor planta árvores a cada CD vendido
Oficinas literárias: fraude ou seriedade
Altair Martins ganha mais um prêmio
A voluntária das letras
Sucesso de público na feira de Tapes
Tapes promove a I Feira do Livro
31 mil crianças gaúchas fora da escola
Escola Rui Barbosa incentiva poesia
Porto Alegre comemora Dia Int. do Livro
CAPOCAM 20 ANOS
Locadora de livros
Brasil forma menos professores
O redator dos discursos de Obama
Antologia Poeta, mostra tua cara em Cqã
Wizard Camaquã em novo endereço
Tesouro de Simões Lopes é encontrado
Feira do livro de Porto Alegre
Rematrículas
Os indicados do Fato Literário
Prof. Milton eleito vereador
Brasil tem queda do analfabetismo
Acampamento Farroupilha
Camaquã já tem sebo
Brasil perde o notável Caymmi
A reestréia da rua do livro
UFRGS está entre as melhores da América
Festa Literária de Paraty
Lajeado ganha museu do livro
Estudante conta do 1º lugar no ENEM
Escolas de Camaquã têm excelentes notas
28ª Feira do Livro termina com chuva
Feira do Livro de Camaquã
Portugal assina acordo ortográfico
Histórias do baú em Santo Ângelo
Estudante passa em 8 vestibulares
 
Roger Tavares - Todos os direitos reservados © Desenvolvido por iPoomWeb